Feeds:
Artigos
Comentários

Associando-se às Festas da Cidade, que decorrem anualmente a 13 de Junho, dia de Santo António, a Casa de Camilo promove uma Caminhada Camiliana entre a Praceta Cupertino de Miranda de Vila Nova de Famalicão e a Casa de Camilo, proporcionando aos participantes algumas surpresas agradáveis durante o trajeto.


Organização: Casa de Camilo
Colaboração: Junta de Freguesia de S. Miguel de Seide
Associação Amarcultura de Calendário
Associação Cultural de Vermoim
Grucamo (Grupo de Caminheiros de Montanha)
Grutaca (Grupo de Teatro Amador Camiliano)
Greculeme (Grupo Recreativo e Cultural de Lemenhe)
Patrocínio: Carnes Primor
Vieira de Castro

 

 

    Com a orientação de Pedro Chagas Freitas, quatro turmas do 4.º Ano de várias escolas do concelho de Vila Nova de Famalicão reinventaram a obra “A bruxa de Monte Córdova”, 150 anos depois da sua 1.ª edição, e assim nasceu um novo livro “As bruxas de Monte Córdova.”

O resultado foi apresentado no auditório da Casa de Camilo-Centro de Estudos, com a presença dos intervenientes e de outros ilustres convidados.

Para surpresa foi encenada uma das histórias, pelo professor Jorge Pimentel e representada pelos alunos do 4.º AA, da Escola Conde São Cosme.

Final feliz para todos…. Até para as bruxas de Monte Córdova

 

A iniciativa tem como objetivos principais fomentar o gosto pela leitura dos textos de Camilo Castelo Branco e proporcionar a partilha de abordagens e de interpretações da prosa do romancista de São Miguel de Seide.

Para cada sessão é sugerida a leitura prévia de um texto de Camilo, o qual é cedido gratuitamente pela Casa de Camilo, desde que solicitado para o endereço eletrónico geral@camilocastelobranco.org .

Texto: “Aventuras dum boticário de Aldeia”

Formador: Sérgio Guimarães de Sousa

 

 

 

 

O Serviço Educativo da Casa de Camilo – Museu | Centro de Estudos iniciou, em janeiro de 2017, mais um Ateliê de Escrita Criativa, este ano inspirado na obra de Camilo Castelo Branco, ” A Bruxa de Monte Córdova”, publicada em 1867, comemorando-se assim os 150 anos da sua primeira edição.

O ateliê é dirigido aos alunos do 4.º ano do 1.º CEB e consiste na realização de sessões orientadas pelo formador, Dr. Pedro Chagas Freitas, que se deslocou às escolas que participaram nesta atividade e com a professora e os alunos coordenou a produção de uma história escrita coletivamente em cada turma, tendo como base a obra selecionada para o ano de 2017.

No dia 6 de junho, pelas 10h00, no Centro de Estudos Camilianos realizar-se-á a cerimónia de encerramento da atividade, com a apresentação pública do livro “As bruxas de Monte Córdova” que inclui os melhores contos criados por cada turma, por eles escolhidos e ilustrados com desenhos dos próprios alunos.

Participaram nesta atividade os alunos das escolas:

– Escola EB1 de Lousado / 4.º Ano Turma L4 – Prof.ª Adelaide Lopes

– Escola EB1 de São Miguel-o-Anjo / 4.º Ano Turma Mig4 – Prof.ª Manuela Granja

– Escola EB1 de Telhado / 4.º Ano Turma D – Prof.ª Ana Maria Forte

– Escola EB1 de Vale do Este / 4.º Ano Turma 4.ºD – Prof.ª Helena Lopes

No decorrer cerimónia os convidados poderão assistir a uma representação teatral de um dos textos finais do ateliê, encenado pelo Prof. Jorge Pimentel e representado pelos alunos do 4.º Ano da Escola Conde de S. Cosme.

 

 

«As criancinhas são os anjos que pintam os quadros da vida íntima com cores e instinto do céu.»
(In O Olho de vidro)

 

(In A Pátria, 2-6-1890)

 

 

Dia 1 de junho de 2017, apresentação de um novo Roteiro Literário Camiliano, na cidade do Porto, a viagem Famalicão-Porto será efetuada no Comboio Presidencial.

 

O histórico Comboio Presidencial, utilizado pelos Chefes de Estado e suas comitivas nas deslocações pelo país entre 1910 e 1970, está de regresso a Vila Nova de Famalicão, depois de em 2014 ter escolhido também Famalicão para a viagem inaugural ao norte do país, após profundo e longo processo de restauro das carruagens. Desta vez, o comboio dos presidentes vai servir de meio transporte para a apresentação do novo Roteiro Literário Camiliano, Famalicão-Porto, que será lançado pela Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão, a Casa de Camilo e um conjunto de entidades portuenses, já esta quinta-feira, 1 de junho.

A apresentação do novo projeto turístico cultural conta assim com a colaboração da Fundação Museu Nacional Ferroviário (FMNF), que é a entidade responsável pela gestão do comboio presidencial.

A jornada dedicada a Camilo Castelo Branco realiza-se a partir das 13h55 com a partida da Estação de Comboios de Famalicão, com destino à Estação de Porto – S. Bento. A bordo seguirão o presidente da Câmara Municipal de Famalicão, Paulo Cunha, o diretor da Casa de Camilo, José Manuel Oliveira, entre diversos convidados.

À chegada ao Porto, serão visitadas as seguintes instituições: Venerável Irmandade de Nossa Senhora da Lapa e Cemitério da Lapa; Centro Português de Fotografia (antiga cadeia da Relação do Porto) e Livraria Lello.

Pelas 17h00, o comboio presidencial parte da Estação de Comboios de Porto – S. Bento, com destino à Estação dos Comboios de Vila Nova de Famalicão. Refira-se que a iniciativa insere-se nas comemorações do 127.º aniversário da morte de Camilo Castelo Branco.

Fonte: Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão