Feeds:
Artigos
Comentários

Posts Tagged ‘A filha do arcediago’

«…
– Então como podes tu sacrificar a tua vida a um ente abominável?
– Porque não tenciono sacrificar-me… O escravo há-de ser ele.
– Não te entendo! O escravo há-de ser ele!…. de que modo?
– Obrigá-lo-ei a servir os meus caprichos.
– Quais caprichos?
– Todos.
– Vais ser esposa infiel?
– Não.
– Vais ter carruagem, e vestidos ricos?
– Vou.
– E se te não der carruagem, nem vestidos?
– Há-de dá-los.
– E se não der?
– Divorcio-me… metade da sua riqueza é minha.
– E queres dar escândalo?
– Escândalo é ser pobre. Vejo-te hoje muito moralista.
– E tu pareces-me filósofa de mais.
– Antes isso.»
(In A Filha do Arcediago)

Anúncios

Read Full Post »

«- Tenho cá minhas aquelas com este padre!… Ele não diz missa, nem prega a Quaresma, nem vai à Via-Sacra…»
(In A Filha do Arcediago)

 

Read Full Post »

«Eu gosto da franqueza, e a gente muitas vezes perde por falar de mais e falar de menos.»
(In A Filha do Arcediago)

 

Read Full Post »

«Há calúnias tão destemperadas, tão imprevistas, que a vítima inocente delas cai fulminante.»
(In A Filha do Arcediago)

Read Full Post »

«Eu só creio no amor não esperado, não granjeado por sacrifícios, não calculado de dia para dia.»
(In A Filha do Arcediago)

 

 

Read Full Post »

«…Ó!, filosofia das mulheres, tu és sobre todas a melhor das filosofias!»
(In A Filha do Arcediago)

 

Read Full Post »

«Eterna é só a matéria; mas a matéria que te feriu os sentidos, dissolveu-a o sopro da desgraça.»
(In A filha do Arcediago)

Read Full Post »

Older Posts »