Feeds:
Artigos
Comentários

Posts Tagged ‘Cinema’


Título Original:
The Croods (EUA / 2013, 98 min)
Realização: Chris Sanders   Kirk DeMicco
Classificação: M/6 anos
Sinopse: Comédia e aventura pré-histórica que acompanha a primeira família do mundo na viagem das suas vidas logo que foi destruída a caverna que os protegia de todos os perigos. Viajando ao longo de espetaculares cenários naturais, os Croods descobrem um incrível mundo novo repleto de criaturas fantásticas que mudarão as suas vidas para sempre.

 

Anúncios

Read Full Post »


Título Original:
The Great Dictator (EUA / 1940, 124 min)
Realização: Charles Chaplin
Classificação: M/12 anos
Sinopse:Sátira à Alemanha nazi, onde Chaplin interpreta um ditador – Adenoid Hynkel – e o seu duplo… um pobre barbeiro judeu, confundido um dia com Hynkel.

 

Read Full Post »


Título Original:
12 Years a Slave (EUA / 2013, 134 min)
Realização: Steve McQueen
Classificação: M/16 anos
Sinopse:Na pré-Guerra Civil dos Estados Unidos, Solomon Northup, um homem negro livre de Nova Iorque, é raptado e vendido como escravo. Enfrentando a crueldade mas também momentos de inesperada bondade, Solomon luta não só para se manter vivo, mas para preservar a sua dignidade. Após 12 anos de uma odisseia inesquecível, Solomon conhece um abolicionista do Canadá que vai mudar para sempre a sua vida.

 

Read Full Post »


Título Original:
Empire of the sun (EUA / 1987, 147 min.)
Realização: Steven Spielberg
Classificação: M/12 anos
Sinopse:A invasão japonesa de Xangai em 1941 muda para sempre a vida do jovem britânico Jim Graham, que então vivia com a família na capital chinesa. Apaixonado pela aviação e dono de uma imaginação fabulosa, Jim vê-se separado dos pais na evasão de Xangai e acaba por ser atirado para um campo de concentração japonês, onde terá de sobreviver o melhor que pode e onde deixará a inocência para trás.


Read Full Post »


O aclamado filme de RAÚL RUIZ volta a somar mais dois galardões à longa lista de prémios internacionais. MISTÉRIOS DE LISBOA foi considerado pelo prestigiado Sindicato Francês de Críticos de Cinema a MELHOR SÉRIE DE TELEVISÃO e ainda o MELHOR DVD do ano.

Depois de MISTÉRIOS DE LISBOA ter conquistado o PRÉMIO LOUIS DELLUC, o mais importante do cinema francês, este reconhecimento assinalável consolida o êxito imparável desta obra que se afirma como a mais aplaudida da recente cinematografia nacional.

Na cerimónia deste ano dos prémios do Sindicato Francês de Críticos de Cinema foram igualmente distinguidos os filmes ”Melancolia”, de Lars von Trier, como Melhor Filme Estrangeiro, “L’Exercice de L’État”, de Pierre Schoeller, como Melhor Filme Francês, ou ainda “Angèle e Tony”, de Alix Delaporte, como Melhor Primeiro Filme francês.

O Sindicato Francês de Críticos de Cinema, composto por mais de 250 membros, que incluem profissionais de publicações como o jornal Le Monde e a revista Les Inrocks, é a entidade responsável pela organização da reputada Semana da Crítica, no Festival de Cannes. Da lista de jurados que atribuíram estes galardões fazem parte prestigiadas figuras da crítica francesa, como Philippe Rouyer, da revista Positif e do programa Le Cercle, do Canal +.

Ao longo do seu reconhecido percurso internacional, MISTÉRIOS DE LISBOA já foi premiado com a Concha de Prata no Festival de San Sebástian, o Prémio Louis Delluc e o Satellite Award para Melhor Filme Estrangeiro. A adaptação da obra de Camilo Castelo Branco foi ainda considerada o Melhor Filme Estrangeiro pela Associação de Críticos de Cinema de Toronto e RAÚL RUIZ recebeu o Special Award da Associação de Críticos de Nova Iorque.
MISTÉRIOS DE LISBOA

Read Full Post »

O filme “Mistérios de Lisboa” já fez mais de 100 mil espectadores em França.
Entretanto, a obra homónima de Camilo tornou-se num dos 12 livros mais vendidos da FNAC FORUM, no centro de Paris.
Fonte: Público

Read Full Post »

Toronto foi a primeira cidade a encantar-se com Mistérios de Lisboa. Depois da estreia num dos mais influentes festivais de cinema do mundo, o filme de Raoul Ruiz, produzido por Paulo Branco, segue para uma maratona de festivais que tem paragens marcadas para mostras sonantes no mundo do cinema, como San Sebástien, em que está seleccionado para a competição, e ainda New York e São Paulo.

Raoul Ruiz, um chileno habituado a Portugal e encantado com a sua cultura, realiza a adaptação difícil dos Mistérios de Lisboa, de Camilo Castelo Branco. O romance de 1854 é uma complexa composição de várias narrativas que têm como único fio condutor a personagem do Padre Dinis, interpretado por Adriano Luz.

Mistérios de Lisboa é, sem dúvida, uma das maiores produções portuguesas dos últimos anos. A vários níveis. A sua duração ultrapassa as 4 horas de duração, tem de orçamento 2,5 milhões de euros, e tem encantado novos públicos, novos rumos para o cinema português.

As primeiras reacções são verdadeiramente positivas, e houve já quem tivesse usado o termo máximo na sua apreciação ao filme: obra-prima. Uma obra-prima portuguesa? É bilhete obrigatório para um cinéfilo português.

Estreia mundial (Toronto): 12 de Setembro

Estreia Portugal: 21 de Outubro

Realização: Raoul Ruiz

Intérpretes: Adriano Luz, Maria João Bastos, Ricardo Pereira, José Afonso Pimentel, Léa Seydoux, Melvil Poupaud, Margarida Vila-Nova, Catarina Wallenstein, Filipe Vargas, Miguel Monteiro, São José Correia, Rui Morrison

Fonte: Blogue CineGlam7

Read Full Post »