Feeds:
Artigos
Comentários

Posts Tagged ‘Seide’


No âmbito da proposta de Verão Anima-te, a Casa de Camilo vai realizar o Trilho da Cangosta do Estevão, dia 11 de julho, sábado, concentração na Casa de Camilo, às 21 horas, regresso previsto para as 23h30.

Passeio por um caminho público, junto ao rio Pele, para conhecer e reviver uma época, o século XIX. O tempo de Camilo e das suas personagens.

A caminhada é acompanhada por um elemento dos Serviços Educativos que fará intervenções, ao longo do trilho.

Percurso: Seide-Landim-Seide
21h00 – Concentração na Casa de Camilo – Museu
23h30 – Chegada à Casa de Camilo – Museu (previsão)
Inscrições: geral@camilocastelobranco.org
Limite: 20 pessoas

 

Read Full Post »

«A vida do Mestre de Seide é um grande drama, quase sem intervalos. Ou com efémeros intervalos do ato de ontem para o de hoje, atos que decorrem sincronizados por prantos e dores, com intercadências perturbantes de sarcasmos e risos.»
(In Camilo – No drama da sua vida, por Sousa Costa)

Read Full Post »

Associando-se às Festas da Cidade, que decorrem anualmente a 13 de Junho, dia de Santo António, a Casa de Camilo promove uma Caminhada Camiliana entre a Praça 9 de abril, Vila Nova de Famalicão e a Casa de Camilo, Seide São Miguel, proporcionando aos participantes algumas surpresas agradáveis durante o trajeto.

Programa:

9h30 – Concentração Praça 9 de Abril

12h00 – Chegada a Seide S. Miguel (hora prevista)

 

Organização:
Município de Vila Nova de Famalicão / Casa de Camilo

Colaboração:
Junta de Freguesia de S. Miguel de Seide

Associação Cultural de Vermoim

Fraternidade de Avidos

Grucamo (Grupo de Caminheiros de Montanha)

Grutaca (Grupo de Teatro Amador Camiliano)

Greculeme (Grupo Recreativo e Cultural de Lemenhe)

Patrocínio:
Carnes Primor

Vieira de Castro

Read Full Post »

 

«O Nuno estava mais entediado que doente. Logo que chegou a Seide,
mascarou-se, e foi não sei para onde…»

(In Correspondência)

 

Read Full Post »

Associando-se às Festas da Cidade, que decorrem anualmente a 13 de Junho, dia de Santo António, a Casa de Camilo promove uma Caminhada Camiliana entre a Praceta Cupertino de Miranda de Vila Nova de Famalicão e a Casa de Camilo, proporcionando aos participantes algumas surpresas agradáveis durante o trajeto.


Organização: Casa de Camilo
Colaboração: Junta de Freguesia de S. Miguel de Seide
Associação Amarcultura de Calendário
Associação Cultural de Vermoim
Grucamo (Grupo de Caminheiros de Montanha)
Grutaca (Grupo de Teatro Amador Camiliano)
Greculeme (Grupo Recreativo e Cultural de Lemenhe)
Patrocínio: Carnes Primor
Vieira de Castro

 

Read Full Post »


A firma Pedro de Azevedo, L.da organizou, nos passados dias 4, 5 e 6 de novembro de 2013, um leilão de obras e manuscritos pertencentes à Biblioteca de D. Diogo de Bragança, VIII Marquês de Marialva.
O leilão composto por 850 lotes compreendia alguns relativos a Camilo Castelo Branco, designadamente o manuscrito autógrafo de «Amor de Salvação», a primeira obra que o romancista escreveu na sua tebaida de São Miguel de Seide, em fevereiro de 1864.
Este lote com o n.º 407, em meia-encadernação de pele, da época, tinha o valor base de licitação de 8.000,00 euro e foi arrematado pela quantia de 17.500,00 (preço sem alcavalas).

Read Full Post »

Dia 10 de junho, às 10h00, oitava caminhada camiliana de Famalicão a Seide S. Miguel.
Concentração: Praceta Cupertino de Miranda
Organização: Casa de Camilo
Apoio: Carnes Primor e  Junta de Freguesia de S. Miguel de Seide
Participação: GRUCAMO – Grupo de Caminheiros de Montanha e GRUTACA – Grupo de Teatro Amador Camiliano

Read Full Post »

Carnaval de Seide


«Minha filha
O Nuno estava mais entediado que doente. Logo que chegou a Seide, mascarou-se, e foi não sei para onde…
Levantei-me muito atordoado às 8 da manhã, e assim estou. Aqui tens o meu carnaval de Seide, menos lírico que o de Veneza…»
(In Correspondência)

Read Full Post »


A 15 de setembro de 1864 nasce Nuno, o filho mais novo de Camilo e Ana Plácido, na Casa Assombrada de Seide.

Read Full Post »


Foi a 15 de julho de 1866 que «o príncipe da lira portuguesa» António Feliciano de Castilho visitou a Tebaida de Ceide, onde foi recebido com mostras de maior alegria e admiração, no meio de iluminações e desnates. Ao «príncipe» ficaram associados os nomes de Tomás Ribeiro, Eugénio de Castilho e Vieira de Castro, embora este à última hora tivesse de adiar a visita. Lá está a «Pedra» a relembrar para a posteridade a data e os intervenientes neste convívio de artistas, que tanto animou e alegrou aquela soturna e triste «Casa Assombrada».

Read Full Post »